quinta-feira, 16 de maio de 2013

para uma nova didática do olhar

"Para uma nova didática do olhar" reúne três ciclos de cinco poemas ("Ilíada", "Navigare Necesse" e "Panis et Circences"). São quinze peças poéticas muito delicadas, curtas mas potentes, férteis em associações, ricas em imagens. Um mundo grego e o mar parecem brotar de um circo, de um campo de futebol, de um cinema de cidade pequena. Odemir Tex Jr. registra o mundo das grandes descobertas infantis, da camaradagem dos que se sabem iguais, daqueles que crescem juntos e vivem, plenamente, sem temor. Mas quem escreve não é um menino, um jovem, nem um saudosista de afetos infantis, mas sim um autor muito seguro de si, que denuncia em seus versos ser um leitor rigoroso de clássicos (Homero, Melville, Borges, Pessoa), de conhecer muito da tradição de seu ofício. Os poemas sabem se defender sozinhos (e vários deles já foram premiados ou publicados anteriormente em antologias). A forma em que são apresentados os poemas, o livro que os enfeixa, faz parte de um projeto muito interessante. Trata-se de uma "edição cartonera", um formato de edição artesanal onde a encadernação é feita com capas de papelão trabalhadas artisticamente, o que torna cada exemplar uma peça única (meu exemplar é numerado 85/176 e pode ser rastreado pela editora - não sei exatamente como, mas sei que ao menos a editora sabe que este exemplar foi comprado por mim, o que nos torna algo cúmplices, Tex, a editora Estrela Cartonera, o volume que acolhi em meus guardados e eu). Este processo editorial surgiu há cerca de dez anos, na Argentina, e tem sido utilizado por artistas plásticos, fotógrafos e escritores - sobretudo na América Latina, como alternativa aos meios tradicionais de publicação. Não sei se cada exemplar poderia mesmo ser definido como um "livro de artista", mas o método de produção do livro lembra algo daquele formato. Poesia de primeira num livro-objeto de primeira, o quê mais faria um leitor feliz?
[início - fim: 23/04/2013]
"Para uma nova didática do olhar", Odemir Tex Jr., Santa Maria: editora Estrela Cartonera, 1a. edição (2013) capa de papelão 15x21,5cm., 42 págs., ISBN: 978-85-66301-08-3

Um comentário:

Clara Lopez disse...

Muito interessantes - livro de artista e parece que os poemas também, mesmo não conhecendo o autor.
grande abraço,
clara