terça-feira, 15 de abril de 2014

a máquina do tempo

Quando o mais recente livro de Adão Iturrusgarai foi lançado decidi que era hora de pagar minha dívida com Jesús González, talvez o maior dos fãs de Iturrusgarai em Madrid. Decidi que compraria o livro, juntaria com os demais que já havia prometido enviar-lhe e os colocaria no correio naquele mesmo dia. Mas, ai de mim, o Jesús terá de esperar um tempo mais, paciência. Em "A máquina do tempo de Adão Iturrusgarai" encontramos trabalhos variados, personagens antigos e novas propostas, 64 páginas de humor corrosivo e certeiro, sem nenhuma concessão para a hipocrisia e ao politicamente correto (como o humor de verdade deve ser). A apresentação inverte a ordem cronológica: começa com o trabalho mais recente, de 2013 e segue até o mais antigo, de 1983. É tempo. Vê-se que o sujeito trabalha mesmo um bocado. O livro inclui dois trabalhos feitos em colaboração com Laerte e um outro onde Gilmar Rodrigues assina o texto. O leitor percebe facilmente ao folhear o livro que o Adão não é escravo de um personagem ou traço. Há muita experimentação, tanto estética quanto temática. O que une todos os trabalhos é sua abordagem pessoalíssima na sátira, onde nada é tabu ou sagrado (as histórias parecem dizer que não se deve levar nada a sério, mas diz isso levando a sério tudo o que parece e é ridículo e podre na sociedade). Seria engraçado deixar um exemplar destes na sala de espera de consultórios de analistas e/ou psicólogos. Acredito que provavelmente boa parte dos clientes resolveria ali mesmo seus problemas imaginários, sua eventual vocação para a intolerância, a falta de humor crônica ou inaptidão social. É coisa para se pensar.
[início: 18/03/2014 - fim: 28/03/2014]
"A máquina do tempo de Adão Iturrusgarai", Adão Iturrusgarai, Campinas: Zarabatana Books, 1a. edição (2013), brochura 21x28 cm., 64 págs., ISBN: 978-85-60090-54-9

Um comentário:

Ellen F. (bat0mcomalcool) disse...

Caramba, super completo seu blog!

Adorei as dicas de literatura e estou seguindo para acompanhar.

Sucesso, querido!

Ellen F.

www.faroestemanolo.com.br

:*